venerdì 30 aprile 2010

Le fonti rinnovabili sono già il 47,3% della matrice energetica brasiliana


Il quotidiano di informazione Valor Economico pubblica oggi un interessante articolo sulla situazione energetica brasiliana . I dati mostrano che le fonti rinnovabili di energia ( Idroelettrica , biocombustibili , fotovoltaica , eolica , ecc ) già rappresentano quasi la metà del totale di energia generato nel Paese : il 47,3% .

Grazie a questo ed al fatto che il Brasile ha riserve petrolifere importanti la prospettiva è che in futuro il Paese aumenterà la sua quota di esportazione di petrolio e derivati .

A crise financeira internacional, a duração do período chuvoso e o contínuo crescimento da demanda por etanol contribuíram para que a participação das fontes renováveis na matriz energética brasileira atingisse 47,3% do total no ano passado, o maior percentual desde os 47,6% de 1992. A expectativa da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) é que o percentual se mantenha em 2010, uma vez que o uso de termelétricas a gás, óleo combustível e diesel continuará baixo e o etanol deverá aumentar gradativamente sua participação na matriz.

O presidente da EPE, Maurício Tolmasquim, ressaltou que a queda da fatia dos combustíveis fósseis foi puxada pela redução de 19,4% na oferta de carvão mineral e derivados, um reflexo direto do impacto da crise financeira sobre o setor de siderurgia. As chuvas abundantes e o consequente nível elevado dos reservatórios das hidrelétricas levaram a uma queda de 17,7% na oferta de gás natural, enquanto a oferta de energia hidráulica e eletricidade subiu 5,2% e os produtos de cana-de-açúcar avançaram 2,8%.

"A despeito da retomada da siderurgia em 2010, a fatia de renováveis na matriz energética não deve ter grande alteração, já que o período de chuvas está bom, além do crescimento da produção de etanol", frisou Tolmasquim, que apresentou os resultados preliminares do Balanço Energético Nacional 2010.

A oferta de energia geral no Brasil caiu 3,4% no ano passado, para 243,9 milhões de toneladas equivalentes de petróleo (TEP), enquanto a oferta de energia renovável caiu apenas 0,6%, para 115,3 milhões de TEP.

Tolmasquim ressaltou ainda que o bom regime de chuvas contribuiu para que a energia hidráulica respondesse por 15,3% da matriz nacional e por 90,6% da geração de eletricidade no país no ano passado. De acordo com o executivo, a expectativa é que nos próximos dez anos as térmicas a óleo combustível gerem 7% da capacidade, enquanto as térmicas a gás produzirão 26% e as usinas a óleo diesel apenas 1%.

Outra característica do consumo de energia no ano passado foi o efeito gerado pelo crescimento da renda, que elevou o consumo elétrico residencial mensal per capita para 43,8 kWh, 4,3% acima dos 42 kWh de 2009.

No segmento automotivo, esse aumento da renda significou o crescimento de 3,6% do consumo combinado de etanol e gasolina em relação ao ano anterior, reflexo direto dos bons resultados das vendas de automóveis no país.

"O avanço aconteceu principalmente no etanol, já que 93% dos carros novos vendidos no país são flex fuel e os consumidores têm preferido abastecer com álcool", disse Tolmasquim.

A EPE chamou a atenção ainda para a manutenção da autossuficiência brasileira no setor de óleo e gás. As exportações de petróleo no ano passado atingiram 525,6 mil barris por dia, 21,3% acima dos 433,1 mil barris diários de 2008 e 40,16% acima dos 375 mil barris diários importados.

Tolmasquim evitou adiantar números, mas destacou que o próximo Plano Decenal mostrará a tendência de que o país se torne um relevante exportador de petróleo e derivados nos próximos anos.

Rafael Rosas

Fonte : Valor Economico

mercoledì 28 aprile 2010

La SELIC aumenta di 75 punti percentuali


Il COPOM ha emesso il suo verdetto . L'aumento di o,5 punti previsto e rinviato nella riunione di Marzo ha comportato un recupero nella sessione di Aprile che difatti ha visto un aumento di 75 punti percentuali .

Pertanto il valore complessivo del tasso di interesse annuo sale dal 8.75 al 9,5% annuo . Questo comporterà che il tasso pagato dai consumatori nelle operazioni di credito passerà al 120,96% all'anno ovvero il 6,83% mensile .

Lo scopo di questo aumento è raffreddare le spinte inflazionistiche degli ultimi mesi .L'eccesso di consumo alimentato dal credito facile ha infatti surriscaldato la domanda di beni ( Basta pensare al mercato automobilistico ) con conseguente aumento dei prezzi .

L'aumento di oggi dovrebbe essere il primo di una serie che porterà la SELIC al 11,25 per alcuni o all'11,75% secondo altri , entro fine 2010 .

Per coloro che hanno affidato il loro risparmio ai fondi legati alla SELIC una buona notizia , visto che il rendimento del loro investimento , al netto delle tasse raggiungerà il 10 % e con il vantaggio di un bassissimo rischio .

Cattive notizie invece per coloro che attendevano un miglioramento del cambio euro /real . L'aumento del tasso di interesse infatti aumenterà il flusso di capitali stranieri verso il Brasile il che avrà come conseguenza una ulteriore rivalutazione del real .

Questo non piacerà nemmeno agli esportatori brasiliani che si ritroveranno meno competitivi rispetto a paesi come ad esempio l' Argentina che hanno prodotti simili o alternativi .

La TAM farà un volo di test con biocombustibile brasiliano


Il combustibile utilizzato sarà una miscela di cherosene ed olio di pinhao manso ( Jatropha Curca ) . Per coloro che vogliono saperne di più sul pinhao manso e le sue possibili applicazioni consiglio di consultare questo articolo .

São Paulo, 28 abr (EFE).- A companhia aérea TAM fará um voo de teste com um avião da Airbus movido a bioquerosene no segundo semestre do ano, que será o primeiro do tipo na América Latina, informou hoje a companhia.

Em uma nota de imprensa divulgada hoje, a companhia anunciou que planeja realizar o voo experimental com um avião sem passageiros que utilizará um combustível que é uma mistura de querosene com um óleo obtido a partir do pinhão manso."Fazemos nossos maiores esforços para utilizar matéria-prima brasileira na produção de combustível com benefícios econômicos e sociais relevantes", disse o presidente da TAM, Líbano Barroso.

Segundo Barroso, a biomassa utilizada para a produção do combustível "é 100% nacional, procedente de projetos de agricultura familiar e de fazendas do interior do Brasil, dedicadas à cultura pioneira do pinhão manso".

O teste será feito com um Airbus A320, que já faz parte da frota da TAM, equipado com motores da CFM International, e cumprirá com as normas dos órgãos reguladores de aviação, acrescentou o comunicado.A TAM estuda sua participação no desenvolvimento de uma cadeia de produção de biomassa vegetal para criar uma plataforma brasileira encarregada de gerar de biocombustíveis para aviões.

Segundo estudos da Universidade Tecnológica de Michigan, os biocombustíveis produzidos com pinhão manso reduzem as emissões de carbono em entre 65% e 80%.

EFE

martedì 27 aprile 2010

Oggi si riunisce il COPOM : domani la nuova SELIC


Oggi si riunisce il COPOM per decidere , tra l'altro , il valore della tassa SELIC . Ricordo che nella riunione del mese passato generò una certa polemica il fatto che , nonostante un generale consenso alla elevazione di 0,5 punti percentuali , il valore della tassa rimase costante . Riporto i passi fondamentali del rapporto del COPOM del 17 Marzo scorso :

27. Nessas circunstâncias, a maioria dos membros do Copom, tendo em vista as informações disponíveis neste momento, aliado ao fato de que já está em curso o processo de retirada dos estímulos introduzidos durante a crise, entendeu ser mais prudente aguardar a evolução do cenário macroeconômico até a próxima reunião do Comitê, para então dar início ao ajuste da taxa básica. Por outro lado, os demais membros do comitê entendendo que as projeções de inflação e o balanço de riscos considerado justificariam o inicio do ajuste já nesta reunião, votaram por uma elevação imediata de 0,50 p.p., na taxa de juros básica.
28. Nesse contexto, avaliando a conjuntura macroeconômica e as perspectivas para a inflação, o Copom decidiu manter a taxa Selic em 8,75% a.a., sem viés, por cinco votos a favor e três votos pela elevação da taxa Selic em 0,5 p.p. O Comitê irá monitorar atentamente a evolução do cenário macroeconômico até sua próxima reunião, para então definir os próximos passos na sua estratégia de política monetária.

Chiude la PROMO BAHIA


Nell'Aprile del 2009 , giusto un anno fa , quando ancora abitavo a Salvador ho preparato su questo Blog un post dedicato alla presentazione fatta a Bahia dei prodotti della città siciliana di Sciacca . La presentazione è stata resa possibile grazie alla collaborazione di una società brasiliana attiva nell'interscambio commerciale di Bahia con il resto del mondo : La PROMO BAHIA .

Questa società da Marzo ha chiuso i battenti , sembra che fosse molto indebitatata ed il governatore Wagner non ha trovato soluzione migliore che questa . I 47 dipendenti sono stati avvertiti . Non è un buon segnale per Bahia .

Dívidas fiscais e a suposta ilegalidade na relação com o governo estadual definiram a extinção do Centro Internacional de Negócios da Bahia - Promo Bahia, empresa criada em 1970 com o objetivo de promover, em todo o mundo, negócios rentáveis para o Estado. Segundo o secretário da Indústria e Comércio, James Correa, a medida foi tomada preventivamente pelo governo Wagner, que estuda a possibilidade de firmar convênio com a Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb) para o desenvolvimento de ações com ocomércio exterior. Os 47 funcionários da empresa estão de aviso prévio e as atividades do Promo Bahia serão definitivamente encerradas até março.

Descaso - “O governo Wagner recebeu o Promo Bahia com dívidas acima de R$ 4 milhões com a Receita Federal e a Prefeitura de Salvador”, explicou Correa, que ressaltou, ainda, a dificuldade no repasse de recursos para a empresa. “Por ser uma empresa privada, havia inúmeros questionamentos da Procuradoria Geral do Estado e do Tribunal de Contas do Estado nos repasses para a empresa e nas celebrações de contratos e convênios”, assinalou. “Os funcionários nunca tinham certeza se receberiam salários”, diz.

Segundo o secretário, houve uma tentativa frustrada de criar uma associação, de forma a extinguir o caráter privado da instituição, mas não surgiram sócios. “Ninguém quer se associar a uma empresa endividada”, lembrou. Para Correa, a situação da Promo Bahia é resultado do descaso dos governos anteriores. “Não houve uma preocupação de se buscar solução”, afirmou Correa, que acredita na parceria com a Fieb.

“A federação tem estrutura e já temos uma experiência de convênio de R$ 14 milhões na área de política industrial e estaleiros”, assinalou. Nesta quinta, o vice-presidente da Fieb, Emmanuel Maluf, garantia ainda não ter sido oficialmente informado da extinção do Promo. “Mas o objetivo é sempre expandir ainda mais o espaço da Bahia no mercado exterior”, disse.


Fonte A Tarde

sabato 24 aprile 2010

Fiat Brasile : La nuova UNO non piace agli italiani

Dal sito italiano di Quattroruote pubblico questo articolo che mostra la nuova UNO che dovrebbe circolare a breve sulle strade brasiliane .

In fondo all'articolo ho dato spazio ai commenti dei lettori che a quanto pare non sembrano apprezzare molto la nuova creatura di Marchionne . A me personalmente non dispiace . Bisogna vedere quanto costa .Qui in Brasile siamo stufi di pagare 15 000 euro una vettura che in Italia costerebbe 7500 euro !!




Fiat in BrasileFiat in BrasileFiat in Brasile

Padrona assoluta del mercato dell'auto brasiliano davanti alla Volkswagen, Fiat lo scorso anno ha venduto 737mila unità e punta a superare il milione tra 4 anni.

Uno per tutti. Il modello più importante in arrivo sul mercato brasiliano sarà la nuova Fiat Uno, che sostituisce l'attuale vettura derivata dall'utilitaria degli anni 80. Il salto di qualità è immenso in tutti i campi a cominciare dal design: la mascherina con le tre feritoie riprende quella della prima Panda e anche la forma dei fari e del corpo vettura la ricordano (anche se la Uno è più grande: misura 3,8 metri circa ed è larga 1,6) . Perché, come vi avevamo anticipato sul numero di dicembre 2009 di Quattroruote, la Uno brasiliana, in qualche modo, mostra alcune soluzioni stilistiche che potrebbero essere riprese sulla nuova Panda prevista per l'anno prossimo.

C'è anche la versione rinforzata . Accanto alla versione da città c'è una variante robusta con assetto rialzato, parafanghi e fascioni neri da offroad, griglie, barre sul tetto e ruote più grandi. Si chiama Uno Way e debutterà a breve nel paese sudamericano. La leggenda della Uno continua, anche se in un'altra parte del mondo. D.S.






I commenti dei navigatori


AHHHHHHHHH!!!!!! - nick-ola (23/04/2010 h. 17.23 )
Un po' di rispetto per quello che è stata la UNO per noi Italiani...meno male che la venderanno in Brasile!!!!

Strade Brasiliane - gjpin (23/04/2010 h. 17.15 )
Le strade brasiliane impongono auto panzerizzate, quindi con forme abbastanza tozze rispetto ai canoni europei... o pensate che Fiat ed altri si divertano a creare apposta macchine goffe ed alte da terra? Chi conosce le strade brasiliane sa che per certi fronzoli non c'è spazio e l'auto buona è quella che salta da una buca all'altra senza smontarsi... e Fiat è pur sempre la n°1 da quelle parti.

@mcompagno - hondale71 (23/04/2010 h. 15.27 )
Qnd la + grande azienda italiana che dovrebbe essere fallita da 20 anni riesce di recente ad inanellare flop come Croma,Multipla,600,16,Ulysse,Palio,Stilo,Marea,2^Punto,Idea + decine di amenità di Alfa/Lancia,propinando questa"Uno"al 3° Mondo e senza far Suv,Cabrio,Coupè,Berline Top,Microcar,Ibride e avendo ancora uno sparuto nugolo di eroici fans,ebbene sì,x loro è proprio bieco nazionalismo...

Speriamo non arrivi in Europa.... - Salvi2009 (23/04/2010 h. 15.25 )
Ma che schifo!!!!!! Ha un design orribile, preferisco di gran lunga l' odierna Panda!

Brutta - maurilio0369 (23/04/2010 h. 15.24 )
..è brutta come il veleno.

Italiani contro Fiat.. - Multijet360 (23/04/2010 h. 14.32 )
Più di qualcuno (volutamente) dimentica che le case tedesche è francesi TUTTE hanno ricevuto nel 2009 abbondanti aiuti statali (previa chiusura immediata degli stabilimenti.Invece noi da buon italiani (sulla carta però) perchè ragioniamo contro il nostro paese,i nostri operai,che magari non avendo più soldi da spendere non entrano più nei VOSTRI NEGOZI per fare acquisti. Quando lo capiremo??

Per me - SFHINX (23/04/2010 h. 13.46 )
fa proprio schifo. Ma invece di andare avanti andiamo indietro?

@hondale71 - mcompagno (23/04/2010 h. 13.46 )
Forse dovrebbe leggere i numeri delle vendite in Brasile, Fiat non ha il monopolio ma qualche punto percentuale in più; inoltre considerare la Fiat attuale come quella ante Marchionne è pura miopia, sovvenzioni statali non ne ha più avute, chiusure di fabbriche e incentivi sono comuni a tutti i costruttori.... bieco nazionalismo vero?

Marchionne Avrei un sogno...! - mairob (23/04/2010 h. 13.35 )
Invece di vociferare su jeep o suv dodge marchiati FIAT... perchè non produrre la uno Way 4x4 e venderla anche in europa. la vedrei molto molto bene....magari sui 12.000 con l'intramontabile fire 1200, un 4x4 inseribile manualmente e un primino stile old panda 4x4.

Niente di particolare. - skirru (23/04/2010 h. 13.22 )
Bha... si vede che è fatta per un mercato da terzo mondo. La calandra mi ricorda la vecchia panda 30, con quella piccola griglia spostata a destra. Mi dispiace ma il design è orrendo!

venerdì 23 aprile 2010

Banda " Bassotti " ruba le figurine dei calciatori


Della serie : solo in Brasile può succedere .

Alcuni giorni fa una banda di 5 uomini armati , verosimilmente appartenenti alla famigerata Banda Bassotti , hanno assalito la Panini brasiliana , nei dintorni di Sao Paulo , ed hanno rubato 135 000 figurine dei calciatori della Coppa del mondo 2010 per un valore stimato di circa 100 000 R$ .

E' veramente il caso di dire che in Brasile le figurine dei calciatori vanno a ruba !

PS : Oggi le 135 000 figurine sono state recuperate durante una brillante azione di polizia ( a cura del commissario Basettoni ) in una favela di San Bernardo do Campo nello Stato di Sao Paulo . E' in corso la conta delle figurine : speriamo che ci siano tutte !

PPS : A parte i Bassotti ed il Commissario Basettoni la storia è VERA


Forbes : Petrobras è al 18° posto tra le maggiori imprese mondiali



Navio Cidade de São Vicente, no campo de Tupi, no pré-salNavio da Petrobras no campo de Tupi, no pré-sal
(Foto: Divulgação)

A Petrobras passou da 25ª posição para a 18ª posição no ranking das maiores empresas do mundo feito pela revista de negócios "Forbes". A empresa é a brasileira mais bem colocada na lista, mas está atrás de concorrentes do setor de petróleo como a americana ExxonMobil (4º lugar), Royal Dutch Shell (8º), BP (10º), PetroChina (12º) e Gazprom (16º).

Outras brasileiras que estão entre as 500 maiores do mundo (o ranking tem no total 2.000 empresas) são o Bradesco, em 51º lugar, o Banco do Brasil, em 52º, a Vale, em 80º, a Itaúsa (holding que controla o banco Itaú), em 82º, a Eletrobrás, em 235º, e a CSN, em 478º.

Ao todo, são 33 brasileiras na lista, duas a mais do que no ranking de 2009.

A lista da "Forbes" leva em conta a receita, o lucro, os ativos e o valor de mercado das empresas. A maior empresa do mundo neste ano foi o banco norte-americano JPMorgan Chase, que passou a General Electric, que levou o primeiro lugar no ano passado. Em 2009, o JPMorgan Chase estava em 16º lugar.

O conglomerado norte-americano General Electric ficou em segundo lugar em 2010, seguido pelo Bank of America, em terceiro, a ExxonMobil e o banco chinês ICBC, em quinto lugar.

Segundo a Forbes, as 2.000 empresas escolhidas neste ano vieram de 62 países, com Estados Unidos (515 empresas) e Japão (210 membros) com as maiores representações. No entanto, esses dois países tiveram 33 empresas a menos na lista do que no ano passado.

Veja a lista das brasileiras que estão no ranking da Forbes
RankingEmpresaSetor
18ºPetrobrasPetróleo e gás
51ºBradescoFinanceiro
52ºBanco do BrasilFinanceiro
80ºValeMineração
82ºItaúsaFinanceiro
235ºEletrobrásEnergia
478ºCSNSiderurgia
620ºUsiminasSiderurgia
658ºTele Norte LesteTelefonia
698ºJBSAlimentos
701ºCBD (Pão de Açúcar)Varejo
732ºGerdauSiderurgia
782ºCemigEnergia
864ºCPFLEnergia
919ºBraskemPetroquímica
930ºBM&FBovespaFinanceiro
942ºRedecardServiços financeiros
953ºBrasil FoodsAlimentos
980ºFibriaPapel e celulose
1102ºCieloServiços financeiros
1190ºUltraparPetróleo e gás
1316ºSabespSaneamento
1335ºBradesparFinanceiro
1380ºCCRTransportes
1399ºNaturaCosméticos
1432ºBanrisulFinanceiro
1461ºOGXPetróleo e Gás
1472ºCopelEnergia
1486ºEmbraerAviação
1648ºWEGMáquinas
1680ºNet ServiçosMídia
1705ºFosfértilQuímica
1813ºSul AméricaSeguros
Veja a lista das dez maiores empresas do mundo
RankingEmpresaPaís
JPMorgan ChaseEUA
General ElectricEUA
Bank of AmericaEUA
ExxonMobilEUA
ICBCChina
Banco SantanderEspanha
Wells FargoEUA
HSBCReino Unido
Royal Dutch ShellHolanda
10ºBPReino Unido