Home Vivere in Brasile Un film già visto : crisi nell’industria tessile , prima vittima delle...

Un film già visto : crisi nell’industria tessile , prima vittima delle importazioni

6
0
CONDIVIDI

A indústria têxtil e de confecções praticamente não deverá contratar este ano no Rio Grande do Norte, embora o segundo semestre seja conhecido como período típico de captação de mão-de-obra para reforçar a produção, com vistas no final do ano, a época mais aquecida para o consumo.

 A concorrência com o produto importado de países como China e Índia – com preços mais baixos – é apontada pelo setor como causa para o momento de crise que, segundo o Sindicato da Indústria do Vestuário no Estado (Sindvest/RN), já foi responsável pela demissão de quase 3 mil trabalhadores. O número representa 17,64% da força de trabalho que havia no setor até dezembro de 2010, um contingente estimado em 17 mil pessoas.

O setor têxtil e de confecções foi, dentro da indústria de transformação, o que mais demitiu este ano, no Rio Grande do Norte. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego, entre janeiro e junho os “cortes” atingiram principalmente os trabalhadores que ocupavam funções de costureiros a máquina, na confecção em série. Ao todo, de acordo com dados do Ministério do Trabalho, 1.528 pessoas que desempenhavam a  função perderam o emprego .

LASCIA UN COMMENTO

Please enter your comment!
Please enter your name here