Home hotel Odebrecht ed Accor lanceranno tre nuovi hotel a Sao Paulo

Odebrecht ed Accor lanceranno tre nuovi hotel a Sao Paulo

6
2
CONDIVIDI

Secondo Abel Castro, direttore per l’America Latina della Accor  il maggior gruppo alberghiero del mondo ,sarebbe necessario inaugurare 18 nuovi alberghi all’anno nella sola Sao Paulo per stare indietro alla domanda .

O aumento da demanda, combinado à baixa oferta de novos empreendimentos em São Paulo, levou o braço imobiliário da Odebrecht a apostar na construção de três novos hotéis no Estado, em parceria com a Accor, maior grupo hoteleiro do mundo, com Valor Geral de Vendas (VGV) total de R$ 258 milhões.
A capital paulista receberá o principal projeto da parceria com a construção de um complexo hoteleiro na região da Barra Funda, o primeiro no Brasil com a nova marca do grupo Accor, a ibis Styles (antiga All Seasons).
Com foco em hóspedes corporativos, o empreendimento tem VGV de R$ 103 milhões e contará com 308 quartos, com a conclusão prevista para novembro de 2015. Além do hotel, estão previstos no complexo uma torre de escritórios e outra residencial, além de um shopping center.
“Hotelaria é uma oportunidade em São Paulo… a demanda é muito forte e existe carência de novos quartos”, disse o diretor regional da Odebrecht Realizações Imobiliárias, Paulo Melo.
As companhias anunciaram ainda dois novos empreendimentos em Santos, no litoral de São Paulo: Novotel Legend e ibis Valongo, com VGV de R$ 85 milhões e R$ 70 milhões, respectivamente, e conclusão estimada para abril de 2015 e janeiro de 2016.
Os projetos, cujos recursos sairão do caixa da Odebrecht, serão vendidos a investidores. Para a construção, a companhia deve recorrer a uma linha de financiamento voltada ao mercado imobiliário, ainda em negociação.
“Existe uma carência de novos hotéis em São Paulo… ficamos muito tempo sem nada ser apresentado”, afirmou o diretor de desenvolvimento da Accor para a América Latina, Abel Castro. “Existe uma oportunidade muito grande em São Paulo”.Segundo ele, seria necessária a inauguração de 18 novos hotéis a cada ano para acompanhar o atual ritmo de crescimento da demanda.

A parceria, por meio da qual a Odebrecht já possui três hotéis na Bahia, encerra um hiato de dez anos sem lançar empreendimentos hoteleiros na cidade de São Paulo.
Com portfólio de 15 hotéis no país, 9 deles já lançados com VGV total de R$ 1,075 bilhão, a Odebrecht Realizações Imobiliárias elegeu o modelo de “complexo multiuso” como estratégia para se diferenciar no segmento hoteleiro e driblar a escassez de terrenos bem localizados nas grandes cidades. “Acreditamos no modelo de desenvolvimento imobiliário de cidade compacta, com lojas, escritórios e hotel no mesmo local”, disse Melo. “Isso cria valor e conveniência”. Embora com variações, os três novos empreendimentos anunciados nesta terça-feira integram este formato.
“Comprar terreno bem localizado em São Paulo apenas para construção de um hotel é uma equação difícil”, acrescentou o executivo. “A ideia é equilibrar o mix do projeto com empreendimentos múltiplos”. Ainda segundo Melo, o braço imobiliário da Odebrecht deve anunciar outros dois empreendimentos hoteleiros na capital paulista até o final do ano.
Em 2011, a Odebrecht Realizações Imobiliárias apresentou lançamentos da ordem de R$ 3 bilhões e apurou faturamento de R$ 1,5 bilhão.

Fonte : Terra 
CONDIVIDI

2 Commenti

  1. Oi Ottoaprile!
    Sono Daghi.
    Una mia curiosità, spero sia di tua pertinenza: Visto che in Brasile si costruisce spesso palazzi con alvenaria…ma è un metodo innovativo e sicuro? Ma dove esistono i terremoti se possono costruire? Ciao

LASCIA UN COMMENTO

Please enter your comment!
Please enter your name here