Home economia Sale la previsione per la SELIC : 10% entro fine anno .

Sale la previsione per la SELIC : 10% entro fine anno .

8
11
CONDIVIDI

Os economistas do mercado financeiro subiram, na semana passada, sua previsão para o crescimento da inflação e do PIB neste ano, além de terem elevado sua expectativa para os juros básicos da economia, que deverão atingir dois dígitos (10% ao ano) ainda em 2013, informou o Banco Central nesta segunda-feira (21), por meio do relatório de mercado, também conhecido como boletim Focus. O documento é fruto de pesquisa com mais de 100 instituições financeiras.


Sobre o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 2013, a previsão do mercado financeiro subiu de 5,81% para 5,83% na última semana. Já para 2014, a previsão do mercado recuou de 5,95% para 5,94%.
Sistema de metas
Pelo sistema de metas que vigora no Brasil, o BC tem, teoricamente, de calibrar os juros para atingir as metas pré-estabelecidas, tendo por base o IPCA. Para 2013 e 2014, a meta central de inflação é de 4,5%, com um intervalo de tolerância de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. Deste modo, o IPCA pode ficar entre 2,5% e 6,5% sem que a meta seja formalmente descumprida.
O presidente do BC, Alexandre Tombini, porém, tem se comprometido somente com a queda da inflação neste ano frente ao patamar registrado em 2012 (5,84%) e com um novo novo recuo no ano de 2014. Embora ainda continue acreditando na desaceleração da inflação neste ano, o mercado prevê, entretanto, crescimento da inflação em 2014 – último do mandato da presidente Dilma Rousseff.
Taxa de juros
A maior parte dos analistas do mercado financeiro passou a acreditar que os juros básicos da economia, atualmente em 9,5% ao ano após cinco elevações consecutivas por parte do Banco Central, avançará para 10% ao ano na última reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central deste ano – marcada para o fim de novembro. Até então, os analistas acreditavam em uma alta menor em novembro: para 9,75% ao ano. Para o fim de 2014, a estimativa do mercado para a taxa de juros também subiu na última semana, passando de 9,75% para 10,25% ao ano. Ou seja, o mercado passou a acreditar que o BC continuará subindo os juros no ano que vem.
Produto Interno Bruto
Para o comportamento do PIB neste ano, o mercado financeiro elevou sua previsão de uma alta de 2,48% para 2,50% na semana passada, em linha com as estimativas tanto o Banco Central quanto o Ministério da Fazenda – que preveem uma expansão da economia da ordem de 2,5% neste ano. Para 2014, a estimativa dos analistas para o crescimento da economia permaneceu em 2,20%.
Câmbio, balança comercial e investimentos estrangeiros
Nesta edição do relatório Focus, a projeção do mercado financeiro para a taxa de câmbio no fim de 2013 recuou de R$ 2,29 para R$ 2,25 por dólar. Para o fechamento de 2014, a estimativa dos analistas dos bancos para o dólar permaneceu em R$ 2,40.
A projeção dos economistas do mercado financeiro para o superávit da balança comercial (exportações menos importações) em 2013 subiu de US$ 1,99 bilhão para US$ 2 bilhões na semana passada. Para 2014, a previsão de superávit comercial recuou de US$ 9,25 bilhões para US$ 8,2 bilhões na última semana.
Para 2013, a projeção de entrada de investimentos no Brasil ficou inalterada em US$ 60 bilhões. Para 2014, a estimativa dos analistas para o aporte de investimentos estrangeiros continuou em US$ 60 bilhões na última semana.
Fonte : Globo

Booking.com

11 Commenti

  1. l'aumento dei tassi dovrebbe in teoria favorire un rafforzamento della valuta.speriamo visto che ho un vagonata di real in carico a 2,93.

  2. Devo dire che fino ad oggi le tue previsioni si stanno tutte realizzando Antonio, Chissà se anche il cambio ritornerà su valori più vicini a 2 per fine 2014 come hai scritto qualche tempo fa. Anche io ne sono convinto perché gli investimenti esteri proseguiranno in Brasile, anche vedendo come vanno le cose in USA e in Europa. Anche i soldi cinesi, se manterranno la promessa di non investire più in Treasury americani, dove andranno? Si aziende in svendita a basso costo in europa ancora ce ne sono ma i veri affari ancora si possono fare in Brasile per chi ha i soldi veri.

    • Oddio…inflazione alta e moneta che rivaluta non e´un matrimonio che puo´durare a lungo! Se poi aggiungiamo juros al 10% su un debito interno relativamente molto alto…
      Da noi 20 anni fa´grosso modo avevamo i bot al 10% l´inflazione al 15% ma svalutavano la Lira…poi e´venuto l´euro (la moneta forte) che assieme a una classe politica ..vagabunda..ci ha portato alla situazione attuale

  3. credi Antonio che il real a 3 circa sia una buy opportunity o pensi che il tapering( ventilato per il 21) mettera' ancora piu' pressioni sulle valute emergenti? detto questo non mi pare che l'ultimo aumento dei tassi cosi' come le manovre messe in campo dal duo Dilma-Mantega abbia invertito la rotta sul cambio usd/brl e eur/brl .ringrazio tutti

  4. Scusami se insisto ma il tuo parere non l'ho seguito.secondo te da quando la Banca centrale brasiliana e' scesa in campo vedi il real in recupero anche per il futuro ?

  5. bisogna sempre ricordarsi che il reais non e una valuta trattata a livello internazionale fuoi dai confini del brasile e permette alla banca centrale brasiliana di manipolare il cambio coma sta faccendo ora immetendo una valanga di $ sul mercato ogni giorno fino a dicembre.(non mi ricordo l'ammontare ma penso sui 5 billions).
    questo fa si che il cambio col $ e sceso molto per tenere sotto controllo l'inflazione sui prodotti importati.adesso,non so quale sia il livello di cambio ideale per la banca centrale ma una cosa e sicura:se il reais fosse stato una moneta scambiata in tutti i mercati del mondo,il cambio euro/reais sarebbe almeno a 4.
    con questo non dico che il valore giusto e 1 euro/4 reais ma dico solo che il reais e al ripare degli edge fund proprio perche moneta non "internazionalizzata".
    saluti
    francis

LASCIA UN COMMENTO

Please enter your comment!
Please enter your name here