Home Vivere in Brasile Anche il Morro do Careca ” vittima ” degli attacchi...

Anche il Morro do Careca ” vittima ” degli attacchi incendiari di questa domenica .

5
2
CONDIVIDI

A série de ataques criminosos em Natal e outras cidades do Rio Grande do Norte entrou pela terceira noite neste domingo (31). Criminosos atearam fogo no Morro do Careca, um dos cartões-postais da capital, localizado na praia de Ponta Negra, colocaram fogo em dois carros e três motos no pátio da STTU (Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana), no bairro da Ribeira, e incendiaram o posto da Polícia Militar do bairro Jardim Petrópolis, em São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana.

Desde sexta, Natal e pelo menos 20 cidades do interior se tornaram alvo de ataques, com incêndios a ônibus e outros veículos veículos e atentados contra prédios públicos. Segundo o governo do Estado, os ataques são uma reação à instalação de equipamentos de bloqueio de sinal de telefone celular no PEP (Presídio Estadual de Parnamirim), localizado no município de Parnamirim, na região metropolitana de Natal.

Entre sexta-feira e domingo, foram contabilizados 54 ataques criminosos em 20 cidades do Estado, segundo a Sesed (Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social). Em boletim divulgado na noite deste domingo, a polícia registrou 52 prisões de suspeitos de participarem dos ataques criminosos.
Os ataques

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar, o ataque no Morro do Careca, localizado na zona sul de Natal, foi criminoso. De acordo com a corporação, criminosos jogaram pneus com combustível e atearam fogo na vegetação do morro. Dois veículos de combate a incêndio foram usados para controlar as chamas. O sargento Ednaldo Gomes relatou que os bombeiros tiveram de subir a pé, usando pás e outros equipamentos para chegar ao local.

“As equipes só subiram no Morro quando duas viaturas da Polícia Militar chegaram para dar apoio, pois levantam logo a suspeita de que o incêndio havia sido criminoso. Os bombeiros observaram que o fogo estava concentrado em um foco e não se alastrava na vegetação, apesar do vento. Não é comum a ocorrência de incêndio naquele local. Quando subiram, encontraram pneus queimando”, contou o sargento.

Por volta das 23h, criminosos invadiram o estacionamento da STTU de Natal e atearam fogo em dois veículos do órgão. Três homens jogaram combustível e atearam fogo no posto da PM do Jardim Petrópolis, em São Gonçalo do Amarante. O ataque ocorreu por volta das 21h e, duas horas depois, a polícia prendeu dois suspeitos do crime.

Um outro ataque aconteceu contra a agência do Banco do Brasil da avenida Jaguari, no bairro Alecrim, zona leste de Natal. As portas de vidro do banco foram estilhaçadas com tiros. Um trator que estava estacionado no bairro de Ponta Negra também foi queimado. Em nenhum dos ataques houve feridos.


1.200 homens
Na noite deste domingo, o governador Robinson Faria (PSB) informou que 1.200 homens – 1.000 do Exército e 200 fuzileiros Navais – chegarão ao Estado para dar apoio às forças policiais do RN. Por volta das 22h deste domingo, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, confirmou também o envio das tropas federais.

Ainda neste domingo, a Polícia Militar confirmou a prisão de João Maria dos Santos de Oliveira, acusado de ser um dos líderes da facção criminosa Sindicato do Crime do RN, grupo criminoso apontado como articulador dos ataques.

2 Commenti

  1. Natal che conoscevo io fino a 4 /5 anni fa non era così violenta! Mi dispiace que sia diventata così . diciamo come i brasiliani se deus quiser vae dar todo certo . ma non ne sono così certo.
    Stefano.

  2. Insomma quello che ci stai descrivendo, caro Antonio, è un quadro molto desolante per quanto riguarda l'ordine pubblico brasiliano che mette in luce la sostanziale gravissima inefficienza, dovuta anche all'alto tasso di corruzione, dei vari corpi di polizia brasiliani, da nord a sud.
    Questo è uno dei più importanti punti negativi del sistema Brasile cui nessun governo post-dittatura è riuscito sinora a porre rimedio mentre io credo che quello della "sicurezza pubblica" dovrebbe essere il problema prioritario per il paese, per un'infinità di motivi che non riguardano solo il turismo e l'immagine del paese.

LASCIA UN COMMENTO

Please enter your comment!
Please enter your name here