Traduzione dal portoghese: Italiano IT Português PT
Home economia Il lupo perde il pelo ma non il vizio: rate a perdita...

Il lupo perde il pelo ma non il vizio: rate a perdita d’occhio per sostenere le vendite

13
3
CONDIVIDI
Sfruttando una strana caratteristica di molti brasiliani di guardare alla rata mensile e non al valore totale del prodotto ( difficoltà a fare le moltiplicazioni ? ) , le banche offrono rate a perdita d’occhio per l’acquisto di beni di consumo .
Com as lojas vazias, a aposta dos comerciantes pra melhorar as vendas é esticar o parcelamento das compras. A prestação até cabe no bolso, mas o perigo é o tamanho da dívida.
Desemprego e a queda na renda tem afastado o brasileiro das compras. Consumidores como Fhelipe Oliveira da Silva estão cada vez mais raros.
“Nós estávamos pensando em comprar uma máquina de lavar, mas de pouquinho em pouquinho, vamos fazer nossa parcelinha, vamos comprar nosso DVD também e por enquanto só isso”, conta o segurança.
E para dar um empurrão nas vendas, o comércio decidiu aumentar o prazo das prestações. Em uma loja, por exemplo, que faz parte de uma grande rede de varejo, os financiamentos até 2015 eram feitos em 10 parcelas, 12 no máximo. Em 2016, pra vender mais, o prazo foi esticado pra 14 parcelas no cartão de crédito da loja ou 18 vezes no carnê. E financiamento ali tem um peso importante pro faturamento da empresa, de cada dez produtos vendidos, sete são pagos em prestações.
Foi assim que Fhelipe levou o fogão novo pra casa. “Parcelado em 14 vezes, já que o prazo está mais estendido, então é mais fácil pra nós, porque nós temos uma renda não tão alta, então melhor pra nós”, disse.
“O que os bancos estão fazendo é de um lado possibilitar aumentar o volume de empréstimos frente a um cenário de renda menor, mas de outro lado principalmente evitar com que as empresas com vendas menores se tornem inadimplentes, levando esse problema pra dentro do próprio sistema financeiro”, explica Miguel Ribeiro Oliveira, vice-presidente da Anefac. 
A crise econômica também estendeu o prazo para financiamento de veículos em várias concessionárias. Em uma delas, os modelos mais populares podem ser parcelados em até 72 prestações
“É uma novidade. A gente espera que tenha um crescimento em médio e longo prazo cada vez mais”, diz o gerente.
O consultor que acompanha o mercado de crédito disse que, a partir de fevereiro, o prazo médio para comprar um eletrodoméstico no crediário subiu de 9 para 12 meses.
Isso significa que uma geladeira de R$ 1,5 mil que era comprada em nove parcelas de R$ 217 passou a poder ser comprada em até 12 vezes. A parcela cai, mas atenção: ainda que a taxa de juros não mude, o valor pago no final sobe R$ 152.
“Quando o prazo de financiamento é maior, a prestação cai, fica menor a prestação, entretanto, naturalmente, quanto mais longo o prazo, maior a quantidade de juros que se paga, significa dizer que mais caro vai ficar o financiamento. Entretanto, o consumidor com a renda afetada, não olha o total que ele vai pagar, olha sim a prestação que ele consegue pagar”, aponta o vice-presidente da Anefac.
CONDIVIDI

3 Commenti

  1. Scusate,ma se l'interesse rimane immutato e le parcelas aumentano,perchè alla fine si dovrebbe pagare di più? Se il frigo da 1500 con 9 parcelas costa 1953(9 per 217),con 12 parcelas costerà sempre 1953…quei 152 reais in più?Sicuramente sbaglio,vorrei solo che fosse spiegato meglio..e comunque io,quando sono in Brasile,compro sempre a vista,sperando in uno SCONTO….:)

    • Caro Bert

      moltiplica il numero di parcelle per il loro valore e vedrai che il prezzo è maggiore . Si fa così : si considera l'interesse su 12 mesi anzicchè 9 e si spalma su 12 parcelle anzicchè 9 .L'effetto finale è che la parcella mensile è più leggera ma l'interesse complessivo pagato è per 12 mesi e non per 9 .
      Per qualche consumatore può comunque essere vantaggioso ma sta scommettendo che conserverà la sua fonte di rendita nei prossimi 12 mesi il che , nella situazione attuale non è certo .

    • E' la regola della maglietta e del pantalone, ti alzano la prima(numero delle parcelle) e ti abbassano il secondo(valore della parcella) e il risultato…………….(a buon intenditor…..).

      Carmine.

LASCIA UN COMMENTO

Please enter your comment!
Please enter your name here